10 guerras que os Estados Unidos não precisariam ter participado

23/06/2017

1. A Guerra da Coréia

Em junho de 1950, o líder norte-coreano Kim Il Sung ordenou uma invasão maciça a Coreia do Sul. Isso chamou a atenção dos sul-coreanos e dos Estados Unidos, pegando ambos de surpresa. O presidente Harry Truman foi inicialmente relutante em enviar tropas dos EUA para a Coréia, temendo que isso levaria os soviéticos e chineses a também intervir.

Então, em um dos maiores erros diplomáticos da história, os soviéticos boicotaram uma reunião do Conselho de Segurança da ONU para protestar dizendo que o governo comunista de Mao não tinha recebido um assento no Conselho de Segurança da China, apesar de ganhar a Guerra Civil Chinesa. O Conselho de Segurança aprovou uma resolução pedindo aos estados membros da ONU para ajudar a Coreia do Sul.

Os soviéticos não conseguiram vetá-lo devido à sua ausência. Presidente Truman usou a resolução da ONU como uma justificativa para a intervenção dos EUA e dirigiu tropas para os norte-coreanos. Embora a Guerra da Coreia tenha se arrastado por mais três anos em um impasse prolongado, Truman nunca pediu uma declaração de guerra do Congresso. Ele argumentou que a guerra estava legalmente coberta pela resolução da ONU.

1
2
3
4
5
6
7
8
9
10
11